O que é DDoS?

Os ataques de DDoS tentam derrubar sites ou redes inteiras sobrecarregando-as com tráfego proveniente de milhares de computadores infectados, que fazem parte de redes conhecidas como botnets. Os sites de bancos, notícias e até de governos são os principais alvos de ataques de DDoS, cujo objetivo é torná-los indisponíveis para os usuários. Além disso, como tanto o alvo quanto os computadores usados na botnet são vítimas, os usuários comuns se tornam danos colaterais do ataque, sofrendo lentidão ou travamento dos seus PCs enquanto trabalham involuntariamente para o hacker.

DDoS – Ataque distribuído de negação de serviço
Por que existem ataques de DDoS?

Os ataques de DDoS geralmente não têm como alvo usuários comuns e sim servidores web importantes, como de bancos, portais de pagamento com cartões de crédito e sites de governos. Os hackers por trás de um ataque de DDoS podem ter como motivação ganhos financeiros, vingança ou simplesmente o desejo de provocar desordem. Em um ataque, os sites alvejados são sobrecarregados e seus serviços on-line ficam indisponíveis para os usuários, que podem perder a confiança ou a paciência com a organização e procurar outras. O resultado é a perda de receita, além de danos à reputação das organizações.

Como reconhecer um ataque de DDoS?

Um ataque de DDoS bem-sucedido é fácil de reconhecer, mas difícil de evitar. Quando uma rede é repentinamente sobrecarregada por um tráfego web contínuo que dura dias, semanas ou até meses e se torna incapaz de atender o usuário comum, geralmente está ocorrendo um ataque de DDoS. É um pouco mais difícil identificar quando seu PC tiver sido “alistado” em uma botnet. No entanto, se ele começar a apresentar lentidão, exibir mensagens de erro ou travar aleatoriamente, há uma grande chance de que faça parte de uma botnet.

Como evitar um ataque de DDoS?

Os usuários comuns não têm como se proteger contra um ataque de DDoS, já que apenas o administrador do site é capaz de observar picos repentinos e inesperados de tráfego e tomar medidas para remediar a situação. Os usuários podem fazer sua parte instalando um antivírus poderoso que seja capaz de identificar e remover o malware que mantém seu PC preso a uma botnet, evitando que seus computadores fiquem lentos, travem ou sejam usados em ataques.

Como evitar se tornar parte de uma botnet
  • Proteja seu computador com um antivírus poderoso
  • Não baixe softwares desconhecidos em seu computador, pois eles podem conter vírus
  • Esteja atento a qualquer comportamento estranho ou lentidão do seu PC
Proteja-se contra um ataque de DDoS.

Como os ataques de DDoS raramente visam indivíduos, não é muito provável que sua rede pessoal seja sobrecarregada por uma botnet. Ainda assim, é uma boa ideia assegurar que seu PC não esteja sendo obrigado a cumprir os comandos de um hacker. Por isso, recomendamos a instalação de um antivírus leve e poderoso, usado e confiado por 400 milhões de usuários em todo o mundo, como o Avast.

Por que Avast?
  • O antivírus mais usuado no mundo - 400 milhões de usuários
  • Antivírus premiado
  • Antivírus vencedor devários testes de comparação
  • "Antivírus com o menor impacto na performance do PC (AV comparatives)"
  • Melhores recursos - senha de segurança inquebrável, proteção à rede doméstica de internet, limpador de navegadores - e muito mais
  • Tudo isso GRÁTIS
BAIXAR GRÁTIS