85257524604
academy
Segurança
Segurança
Ver tudo Segurança artigos
Privacidade
Privacidade
Ver tudo Privacidade artigos
Desempenho
Desempenho
Ver tudo Desempenho artigos
Selecione o idioma
Selecione o idioma

O que é metaverso?

Saudado como a próxima geração da internet, os acólitos das big techs têm grandes esperanças para o metaverso. Mas, embora esse novo espaço virtual possa mudar nossas vidas, ainda é mal compreendido. Aprenda o que é o metaverso, como acessá-lo e como ele será no futuro. Em seguida, mantenha a segurança online com um poderoso software de segurança online.

Academy-What-is-the-metaverse-Hero

O que é metaverso?

O metaverso é uma realidade virtual de mundos 3D em rede onde você pode socializar, trabalhar, fazer compras e se divertir. Confundindo os limites entre a vida real e a vida digital, o metaverso combina realidade virtual, aumentada e física em um mundo graficamente rico com o qual você interage por meio de um avatar.

Hamburguer menu icon

Este artigo contém:

    Ainda é difícil especificar uma definição de metaverso porque ela não é uma tecnologia real. O metaverso refere-se, em vez disso, a uma mudança em como interagimos com a tecnologia. À medida que continuamos a explorar e desenvolver esse novo reino cibernético, o significado inevitavelmente mudará.

    No momento, o significado do metaverso está focado no uso de realidade virtual e aumentada, avatares e propriedade digital, já comuns no mundo dos jogos. De certa forma, o metaverso representa um híbrido entre a internet e os jogos online, onde o usuário é representado por um avatar personalizável que interage com outros avatares em uma comunidade online.

    Mas, embora isso ilustre o metaverso agora, essas tecnologias não são essenciais para o conceito em si. Da sua forma atual, o metaverso pode se expandir para uma rede aberta e interconectada que poderia substituir a internet móvel como a conhecemos atualmente.

    Quando o metaverso será lançado?

    Como o metaverso já existe no mundo altamente imersivo dos jogos, tecnicamente não há data de lançamento. Mas novos desenvolvimentos já estão ajudando a moldar e expandir o metaverso. Entre outros, o entretenimento interativo, reuniões virtuais e espaços educacionais estão sendo desenvolvidos para o metaverso.

    Mas toda essa inovação dificulta prever para onde o metaverso está indo. O princípio da internet era por meio de páginas da Web vinculadas e da comunicação de longa distância entre computadores. Isso evoluiu para sites dinâmicos e com mídia avançada, redes sociais e aplicativos que alteraram completamente a forma como trabalhamos e vivemos.

    O metaverso é a nova internet? Ele usará os componentes atuais de VR, IA e propriedade digital para se transformar em algo totalmente diferente? As principais empresas de tecnologia certamente pensam que sim e investiram bilhões para explorar e construir essa nova esfera virtual.

    Você pode usar o metaverso agora?

    Sim, mas ainda não é a rede revolucionária que se espera que se torne. Atualmente, existem metaversos discretos, “mini”, compostos principalmente por plataformas de jogos online baseadas em comunidade, como Fortnite e Roblox, que usam tecnologia descentralizada como criptomoeda e NFTs.

    Essas plataformas de metaverso podem eventualmente se tornar parte de um maior e interconectado. Você pode pensar nessas plataformas como sites ou aplicativos, e o próximo metaverso como a internet unificada que vai conectá-los. Embora algumas plataformas usem tecnologia blockchain e NFTs, ainda estamos longe de um metaverso unificado e descentralizado.

    O metaverso pode se desenvolver em uma rede conectada de mundos totalmente imersivos.O metaverso pode se desenvolver em uma rede de metaversos menores vinculados.

    Qual é a origem do metaverso?

    O termo metaverso teve origem na novela de ficção científica Snow Crash de Neal Stephenson de 1992. Stephenson descreveu o metaverso como um mercado global virtual acessado por meio de óculos especiais ou terminais públicos. O livro de Stephenson descreveu o metaverso como um lugar onde é possível comprar e vender imóveis virtuais e popularizou o termo avatar para descrever corpos virtuais em um ambiente virtual.

    O que você pode fazer no metaverso?

    Embora ainda na infância, o metaverso oferece várias atividades para os usuários. E, à medida que o espaço virtual se desenvolve, mais atividades e outras possibilidades se seguirão. Assim como o desenvolvimento da internet, o metaverso se baseará na tecnologia disponível para inovar e crescer.

    Veja o que você já pode fazer no metaverso:

    • Personalizar o avatar: seu avatar representa você no metaverso. Você é livre para alterar seu tipo de corpo, cabelo, gênero e acessórios. Você pode até aparecer como um personagem fictício.

    • Criar experiências de realidade virtual: algumas plataformas do metaverso, como o Horizon Worlds, têm layouts pré-criados que permitem criar salas de convívio personalizadas ou até mesmo experiências de jogo em camadas.

    • Investir em imóveis digitais: blocos de terra chamados de parcelas em plataformas de metaverso podem ser comprados com criptomoeda e depois vendidos ou alugados por seus proprietários.

    • Colaborar com colegas: o metaverso hospeda ambientes de trabalho remotos com ferramentas de colaboração virtual, como salas de reuniões virtuais, quadros brancos infinitos e teclados VR.

    • Encontrar e fazer amigos: a rede social é apontada como um dos principais casos de uso do metaverso, permitindo interagir com pessoas de todo o mundo em uma experiência imersiva de VR.

    • Loja: no metaverso, você pode navegar nas lojas de VR e interagir virtualmente com os itens antes de comprar.

    • Jogar games de VR: muitas das plataformas do metaverso atuais foram desenvolvidas a partir de games, e os games de VR ainda são um dos principais usos do metaverso. Além de jogar por diversão, os jogadores também podem participar de atividades de “ganhar para jogar” para ganhar criptomoedas no metaverso.

    • Investir em NFTs: tokens não fungíveis (NFTs) são assinaturas digitais ou tokens que não podem ser replicados e autenticar ativos digitais no blockchain. NFTs ajudam ativos como trabalhos de arte digitais serem comprados, vendidos e trocados. NFTs também estão disponíveis fora do metaverso, embora não sejam tão imersivos.

    • Vender ativos em jogos: você pode participar da economia do metaverso criando e vendendo ativos no jogo, como skins de avatar, acessórios e auxílios de jogo em um mercado digital.

    • Desenvolver e projetar produtos em 3D: os designers podem usar os espaços 3D interativos e realistas do metaverso para ajudar a desenvolver ideias por meio de testes de produtos e criação de protótipos de baixo custo.

    Todas as atividades são possíveis no metaversoO metaverso oferece várias atividades imersivas.

    Exemplos de metaverso

    O metaverso é apresentado como algo completamente novo e diferente, mas isso não é totalmente verdade. As iterações do metaverso já estão disponíveis. Embora ainda não sejam a rede interconectada que o metaverso está previsto para ser (o próximo estágio da internet de hoje), essas plataformas dão uma ideia do que está por vir.

    Veja exemplos de plataformas atuais do metaverso:

    Second Life

    Criado em 2003, o Second Life é uma plataforma multimídia que permite que as pessoas vivam uma segunda vida online por meio de avatares. Embora esteja em debate se é um metaverso real, ele é uma boa aproximação, uma grande comunidade online que interage em um ambiente imersivo e experiencial.

    Pokemon Go

    Pokemon Go é um videogame interativo que usa realidade aumentada (RA) para confundir os limites entre a realidade real e a digital. Embora o Pokemon Go não seja estritamente uma plataforma de metaverso, muitos preveem que a RA será parte integrante da experiência.

    Fortnite

    Um dos jogos online de maior sucesso já criados, o Fortnite usa sua plataforma e comunidade para criar um metaverso do Fortnite. A plataforma hospeda concertos de música ao vivo de grandes nomes como Billie Eilish e Travis Scott. Além disso, grandes marcas usam o “modo criativo” do Fornight para criar conteúdo e testar possibilidades no metaverso.

    Roblox

    Roblox é uma plataforma de jogos que permite aos usuários criar seus próprios mundos de jogos que se interconectam com outros na plataforma. Essa comunidade compõe o metaverso do Roblox. O Roblox é usado por grandes marcas como Vans, Nike e Gucci para criar mundos virtuais que permitem aos usuários interagir com os produtos dessas empresas.

    Horizon

    Desenvolvido pela Meta, o Horizon oferece uma série de plataformas interconectadas para ajudar os usuários a interagir com outras pessoas por meio de avatares. Junto com o Horizon Worlds (uma plataforma de mundos virtuais), a Meta oferece o Horizon Venues (uma plataforma de eventos) e o Horizon Workrooms (escritórios virtuais). Este metaverso de VR é acessado pelo headset Oculus Quest 2.

    Decentraland

    O metaverso Decentraland é uma plataforma de mundo virtual 3D onde os usuários podem comprar e vender imóveis NFT com a criptomoeda da plataforma. Parte um experimento de descentralização, parte um jogo, o Decentraland é uma verdadeira plataforma Web3.

    O Sandbox

    O metaverso Sandbox é uma plataforma descentralizada pioneira, que consiste em um ecossistema de jogos orientado pela comunidade, onde os usuários podem criar experiências de jogos que podem ser cunhadas como NFTs. Esses NFTs podem ser comprados e vendidos no mercado do metaverso Sandbox. O Sandbox ainda tem sua própria criptomoeda, SAND, que é apoiada na blockchain Ethereum.

    O Nvidia Omniverse

    O Omniverse é a plataforma de colaboração gráfica em tempo real da Nvidia para profissionais de design 3D. Ele permite que os usuários criem objetos e ambientes 3D que podem ser transportados para diferentes conjuntos de ferramentas onde outros designers podem colaborar. À medida que os ambientes do metaverso se tornam mais sofisticados, ferramentas como o Nvidia Omniverse serão essenciais para a criação do metaverso.

    Ready Player One

    O Ready Player One é uma novela, não realmente um metaverso, que foi adaptado como filme. No entanto, ele oferece uma ótima visão sobre como pode ser um futuro próximo com VR totalmente imersiva. Embora o material de origem de ficção científica tenha uma tendência distópica em mundos de realidade virtual, esse não é necessariamente o nosso destino com o metaverso.

    Como entrar no metaverso

    O acesso ao metaverso varia de acordo com a plataforma. Você pode entrar nos metaversos de jogos como usuário convidado com apenas um computador ou smartphone, embora, você precise de um PC com Windows e uma carteira de criptomoedas para realmente participar. Outras plataformas exigem óculos de realidade aumentada ou um headset de VR.

    Mesmo que o seu computador Windows esteja otimizado para jogos, ainda pode não ser suficiente. Uma plataforma metaverso que hospeda milhões de usuários requer um grande poder de processamento e, para alguns metaversos, o computador médio não é suficiente. Por isso, as empresas estão tentando desenvolver tecnologia como óculos inteligentes para ajudar os usuários a se conectarem ao metaverso com mais facilidade.

    Plataformas como a série Horizon da Meta exigem um fone de ouvido VR para a jornada no Metaverse. O headset Oculus Quest 2 da Meta contém câmeras de rastreamento para renderizar ambientes 3D, além de uma placa gráfica e um componente de armazenamento diretamente integrados para lidar com os requisitos de processamento.

    Quer aumentar o poder de processamento do seu computador? Aprenda como fazer o overclock da sua CPU e da sua GPU com segurança e obter resultados instantâneos.

    Como acessar o metaverso com um headset VR

    Um headset VR, como o Oculus Quest 2, é a maneira mais imersiva de experimentar o metaverso. Equipado com fone de ouvido, você só precisa baixar o aplicativo para uma plataforma compatível.

    Veja como acessar o metaverso com o headset Oculus Quest 2:

    1. Ligue e coloque seu headset Oculus Quest 2.

    2. Selecione App Drawer no Universal Menu (use qualquer controlador). Sua lista de aplicativos instalados aparecerá.

    3. Selecione o aplicativo.

    4. Carregue o jogo/aplicativo.

    Agora você tem acesso a um novo mundo de realidade virtual.

    Como acessar o metaverso com um headset VR.

    Você nem sempre precisa de um fone de ouvido VR para acessar o metaverso. Várias plataformas do metaverso são baseadas em navegador e não exigem hardware especial. Alguns, como Decentraland e Roblox, exigem apenas um computador ou um smartphone.

    Veja como acessar alguns metaversos sem um headset VR:

    Decentraland

    Decentraland é uma das plataformas de mundo virtual 3D mais populares dentro do metaverso. Veja como acessá-lo:

    1. Acesse o site da Decentraland e clique em Start Exploring (começar a explorar) no canto superior direito.

      Página inicial do Decentraland.
    2. Você tem duas opções: Jogar como convidado ou Jogar usando sua carteira.

      Opção no site do Decentraland.
    3. Se você jogar como convidado, o jogo agora será carregado. Se você jogar usando sua carteira, precisará conectar uma carteira de criptomoedas antes que o jogo seja carregado.

      Opções de conexão de carteira de criptomoedas no site do Decentraland

    Os visitantes da Decentraland estão limitados a explorar o terreno e personalizar o avatar. Se você joga usando sua carteira, pode participar ativamente jogando, comprando terrenos e criando ativos.

    Sandbox

    Sandbox é outra plataforma popular onde os usuários podem criar NFTs de experiência de jogo para comprar e vender. Embora você não precise de um headset, recomendamos ter a carteira de criptomoedas MetaMask.

    Veja como acessar o metaverso do Sandbox:

    1. Acesse o site do Sandbox e clique no botão Sign In (entrar) no canto superior direito.

    2. Quando solicitado, conecte sua carteira criptográfica (o MetaMask é recomendado).

    3. Insira seu nome de usuário, ID de e-mail e senha.

    4. Clique em Create (criar) na caixa à esquerda.

    5. Baixe e instale o GameMaker no seu PC.

    6. Abra o aplicativo e entre.

    Agora você pode jogar e criar experiências de jogo Metaverse personalizadas, que podem ser cunhadas em NFTs. Lembre-se apenas de monitorar o tempo de tela para crianças e você, pois essas experiências podem ser altamente imersivas (e viciantes).

    O que é o metaverso do Facebook?

    O Facebook agora atende pelo nome de Meta, uma indicação clara de quanto a empresa apostou seu futuro no metaverso. A série Horizon de plataformas de metaverso, muito parecida com o Facebook, é focada em interações de usuários, e oferece espaços virtuais para eventos, encontros e colaboração.

    No entanto, esses são apenas os primeiros estágios da incursão da Meta no metaverso. A empresa já investiu bilhões no desenvolvimento de tecnologias de metaverso, e está claro que o CEO Mark Zuckerberg crê de verdade no metaverso e seu potencial para alterar toda a maneira como trabalhamos, jogamos, compramos e vivemos online.

    Quais são os riscos do metaverso?

    Tal como acontece com outras plataformas online, cyberbullying, engenharia social e roubo de identidade são riscos comuns associados ao metaverso. E, ao confundir ainda mais a distinção entre mundos virtuais e a realidade, o metaverso provavelmente aumentará o impacto prejudicial da atividade online maligna.

    Os riscos do metaverso também representam uma série de novos desafios, em particular, o uso de criptografia do metaverso. Muitas plataformas exigem que os usuários possuam uma carteira criptográfica, que não só contenha ativos digitais, como também ser vinculada à sua persona online. Manter-se atualizado sobre o mundo digital e entender as regras da netiqueta pode ajudar a mantê-lo seguro enquanto se adapta ao metaverso. Como sempre, use a autenticação de dois fatores para proteger suas contas contra hackers.

    Proteja sua privacidade e segurança online com o Avast

    Tanto dentro quanto fora do metaverso, ferramentas fortes de segurança cibernética são essenciais. À medida que a tecnologia se torna cada vez mais integrada, os hackers encontrarão novas maneiras de atacar. O Avast Free Antivirus oferece segurança cibernética forte contra linhagens de malware conhecidas, além de ameaças novas e emergentes. Proteja todos os dispositivos imediatamente com o Avast.

    Tenha uma proteção online potente com o Avast Mobile Security

    INSTALAR GRÁTIS

    Tenha uma proteção online potente com o Avast Mobile Security

    INSTALAR GRÁTIS
    Outras ameaças
    Segurança
    Deepan Ghimiray
    1-09-2022